Clique para ouvir os estudos bíblicos do Viver em Verdade

Viver em Verdade

"e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." João 8:32
Encontre um estudo
Voltar

Indique este Estudo a um amigo

Seu nome
Seu e-mail
Nome do amigo
E-mail do amigo

Cadastre-se e receba nossos Estudos Bíblicos por e-mail (Fechar)

Seu Nome
Seu E-mail

O propósito de Deus para sua vida - Não desista! - Parte 2

Palavras-chave: Propósito de Deus, Senhor Jesus Cristo, Sonho, Fé, Visão, Estudo Bíblico

(Continuação)

 

Faça o download deste estudo bíblico completo em áudio MP3 (27 MB)

 

Caso você ainda não tenha lido a 1ª Parte deste estudo bíblico, leia agora.

 

O que Deus tem para você realizar, ninguém mais poderá fazê-lo.


O Dr. Munroe diz ainda em seu livro "Os princípios e o poder da visão" que Deus lhe deu " uma mente, o dom da imaginação, a unção do Espírito Santo e a visão da fé". Muitas pessoas não acreditam em seus sonhos, porque não crêem em Deus como você crê, não imaginam as maravilhas de Deus como você imagina e não se dedicam para receber cada vez mais da unção do Espírito Santo como você o faz.


Quando Deus o criou, Ele o fez à sua imagem e à sua semelhança:

  

Gênesis 1:26 "E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança"


A expressão "à nossa "imagem" significa que o seu caráter moral e espiritual foi feito igual ao de Deus; e "conforme à nossa semelhança" significa que você foi feito para "operar como Deus opera". Deus é poderoso? Claro que sim! Com o poder da Sua Palavra Ele criou todas as coisas. Esse poder de Deus opera em você. Leia em Efésios 3:20 :

 

Efésios 3:20

Ora, aquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós.

 
 
 


Leia novamente caso não tenha prestado tanta atenção. Onde opera o poder de Deus? "Em nós". Diga para você mesmo: "O poder de Deus opera em mim". Ele, o Pai, colocou em você o Espírito Santo, que é o selo que o identifica como filho de Deus. Esse selo, o Espírito Santo, é o potencial mais que suficiente para todas as suas necessidades. Você é capaz! Deus assim o fez.

O poder de Deus está operando em você para o cumprimento do seu sonho, que faz parte de seu propósito.

 

A história de Dick e Rick Hoyt

Nos EUA, um pai e um filho fizeram a diferença a partir de suas atitudes. Dick Hoyt, pai de Rick Hoyt, empurrou seu filho 85 vezes por 42 quilômetros em maratonas. Além disso, 80 vezes Dick não só empurrou o seu filho Rick por 42 quilômetros em uma cadeira de rodas, mas também o rebocou por quase 4 quilômetros em um bote enquanto nadava e pedalou 180 quilômetros com ele sentado em um banco em sua bicicleta, participando os melhores atletas do mundo no Iron Man.

Esta história maravilhosa de amor começou em Winchester, nos EUA, há quarenta e três anos, quando Rick foi estrangulado pelo cordão umbilical durante o parto, ficando com uma lesão cerebral permanente e incapacitado de controlar os membros de seu corpo.
 
– “Ele irá vegetar pelo resto de sua vida”, disse o médico para Dick e sua esposa Judy, quando Rick tinha nove meses.
– “Vocês devem interná-lo em uma instituição”, complementou o médico.
Mas, o casal não acreditou. Eles repararam como os olhos de Rick seguiam os dois pelo quarto.
 
Quando Rick fez onze anos eles o levaram ao departamento de engenharia da Tufts University e perguntaram se havia algum jeito do garoto se comunicar.
– “Não há jeito, seu cérebro não tem atividade alguma”, disseram a Dick.
– “Conte uma piada para ele”, Dick desafiou.
Eles contaram e Rick riu.
 
Na verdade, tinha muita coisa acontecendo no cérebro de Rick.
 
Usando um computador adaptado para ele poder controlar o cursor tocando com a cabeça um botão no encosto de sua cadeira, Rick, finalmente foi capaz de se comunicar.
Suas primeiras palavras?
– “Vamos Bruing!”, o grito da torcida, dos times da Universidade da Califórnia.
 
Depois que um estudante ficou paralítico em um acidente e a escola em que estudava decidiu organizar uma corrida para levantar fundos para ele, Rick digitou:
– “Papai, quero participar”.
Isso mesmo. Mas como Dick poderia, justo ele, que considerava a si mesmo um “leitão”, que nunca tinha corrido mais que um quilômetro de cada vez, como poderia empurrar seu filho por 8 quilômetros?
Mesmo assim, ele tentou.
– “Daquela vez eu fui o inválido”, lembra Dick.
– “Fiquei com dores durante duas semanas”.
Porém, aquilo mudou a vida de Rick. Ele digitou em seu computador:
– “Papai, quando você corria eu me sentia como se não fosse mais portador de deficiências”.
 
O que Rick disse, mudou também a vida de Dick. Ele ficou obcecado por dar a Rick essa sensação quantas vezes pudesse. Começou a se dedicar tanto para entrar em forma que ele e Rick estavam prontos para tentar a Maratona de Boston em 1979.
 
– “Impossível!”, disse um dos organizadores da corrida.

Pai e filho não eram um só corredor e também não se enquadravam na categoria dos corredores em cadeira de rodas. Durante alguns anos, Dick e Rick simplesmente entraram na multidão e correram de qualquer jeito.
 
Finalmente, encontraram uma forma de entrar oficialmente na corrida. Em 1983, eles correram tão rápido em outra maratona, que o tempo obtido por eles permitia qualificá-los para participar da maratona de Boston no ano seguinte.
 
Depois, alguém sugeriu que tentassem um Triatlon.
Como poderiam?!
Dick nunca soube nadar e não andava de bicicleta desde os seis anos de idade, como rebocaria seu filho de cinqüenta quilos em um Triatlon?
Mesmo assim, Dick tentou.
 
Hoje, ele já participou de duzentos e doze Triatlons, inclusive, quatro cansativos Ironmans de quinze horas de duração, no Havaí.
 
Deve ser demais, para alguém com seus vinte e cinco anos de idade, ser ultrapassado por um velho rebocando um adulto em um barquinho, você não acha?
 
Então por que Dick não competia sozinho?
– “De jeito nenhum”, ele diz.
Dick faz tudo isso apenas pela sensação que Rick pode ter e demonstrar com seu grande sorriso, enquanto correm, nadam e pedalam juntos.
 
– “Não há dúvida”, digita Dick, “meu pai, é o pai do século”.
 
E Dick também ganhou algo com isso. Há dois anos, ele teve um leve ataque cardíaco, durante uma corrida. Os médicos descobriram que uma de suas artérias estava 95% entupida. Os médicos disseram que se ele não tivesse se dedicado para entrar em forma, é provável que já teria morrido, uns quinze anos antes. De certa forma, Dick e Rick salvaram a vida um do outro.
 
Rick, que hoje tem seu próprio apartamento (ele recebe cuidados médicos) e trabalha em Boston, e Dick, que se aposentou do exército e mora em Holland, Massachussets, sempre acham um jeito de ficarem juntos. Eles fazem palestras em todo o país e participam de corridas, nos finais de semana.
 
Em todo dia dos pais, Rick sempre paga um jantar para seu pai, porém, o que ele mais desejaria fazer pelo seu pai, é um presente que ninguém poderia comprar.
 
“Eu gostaria...”, digita Rick, “...de um dia poder empurrar meu pai na cadeira, pelo menos uma vez”.

Fonte: Sports Illustrated - Rick Reilly

 

Assista com atenção ao vídeo que mostra Dick e Rick Hoyt competindo

Amor de Pai (YouTube)

 

No texto acima, observe o que Rick disse ao seu pai Dick após a primeira corrida: "Papai, quando você corria eu me sentia como se não fosse mais portador de deficiências". Observe no vídeo que, quando o pai termina de nadar, ele pega o filho nos braços e carrega-o para a bicicleta. Da mesma forma Deus age conosco. Ele, com seu infinito amor, carrega-nos em Seus braços até a realização de nosso sonho, fazendo com que toda a nossa deficiência e toda a nossa incapacidade desapareçam e, além disso, Ele nos leva para celebrar a vitória com Ele.

Quando você aceita a Jesus Cristo como seu Senhor e seu Salvador, Ele o pega nos braços para celebrar junto com você a vitória sobre Satanás.

 

Deus quer que você faça a sua parte para cumprir o propósito Dele em sua vida

 

Para que o propósito de Deus se cumpra em sua vida é necessário que você tome decisões e estabeleça um plano. Existem pessoas que, de maneira errada, dizem: "Estou esperando em Deus para saber qual o propósito Dele para minha vida". Você não tem que esperar, mas sim buscar em Deus o propósito para sua vida. Jesus deu à igreja uma missão que está em Marcos 16:15 : "Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura". Se você ainda tem dúvidas de qual seja o seu propósito, uma pergunta pode guiá-lo em suas orações: "Qual o meu propósito dentro da missão que Jesus deu à igreja?".

 

Em Provérbios 16:9, a Palavra de Deus diz que "O coração do homem considera (traça) o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos". Você deve traçar o plano para o cumprimento de seu propósito, pois o Senhor está aguardando isso acontecer para guiar os seus passos dentro desse plano. Se você sonha em ser enviado para missões internacionais ou pregar a Palavra de Deus em vários países do mundo, estabeleça um plano para aprender outros idiomas; se o seu sonho é ser um grande ministro de louvor, estabeleça um plano para desenvolver seu canto ou sua dança; se você tem qualquer outro sonho, desenvolva um plano para que o seu propósito se cumpra.

Nesse momento você pode pensar: "eu não tenho dinheiro para fazer um curso", ou "eu nunca aprendi nenhum outro idioma, tenho dificuldades", ou "eu sou duro para dançar". Se você decidir cumprir o propósito que Deus lhe deu, Ele suprirá todas as suas necessidades e irá capacitá-lo em todas as suas tarefas. Lembra de Jeremias? Ele disse que não sabia falar e, então, o Senhor colocou as Suas palavras na boca dele. Deus o capacitou e também irá capacitá-lo. Para que isso aconteça, apaixone-se pelo seu sonho, nunca desista dele e creia no poder de Deus que opera em você.

 

Apaixone-se por seu sonho

 

A Bíblia fala de vários homens que se apaixonaram pelo propósito que Deus havia lhes dado. Abraão, Moisés, Neemias, Davi e Paulo são alguns deles. O apóstolo Paulo, quando ainda se chamava Saulo e estava indo para Damasco, foi surpreendido pelo Senhor Jesus que deu a ele o objetivo de sua vida: pregar o evangelho aos gentios. Paulo era judeu e possuía cidadania romana por causa de seu pai, tinha tudo para viver sua vida tranquilamente e ser um fariseu reconhecido, mas decidiu cumprir o seu propósito dado por Deus. Ele sofreu várias perseguições e prisões por causa de seu objetivo, mas nunca desistiu.

Em 2 Coríntios 11, o apóstolo Paulo relata em sua carta o que sofreu por causa de sua visão. O objetivo do trecho da carta que está logo abaixo era mostrar aos falsos profetas, que estavam dizendo aos coríntios que Paulo era mentiroso, que seu objetivo de pregar aos gentios era verdadeiro, pois foi dado por Deus.

 

2 Coríntios 11:22-28 "São hebreus? Também eu. São israelitas? Também eu. São descendência de Abraão? Também eu. São ministros de Cristo? (Falo como fora de mim.) Eu ainda mais: em trabalhos, muito mais; em açoites, mais do que eles; em prisões, muito mais; em perigo de morte, muitas vezes. Recebi dos judeus cinco quarentenas de açoites menos um; três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo; em viagens, muitas vezes; em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha nação, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre os falsos irmãos; em trabalhos e fadiga, em vigílias, muitas vezes, em fome e sede, em jejum, muitas vezes, em frio e nudez. Além das coisas exteriores, me oprime cada dia o cuidado de todas as igrejas."


Nos versículos acima, Paulo estava dizendo aos falsos profetas: "Vocês acham que eu iria sofrer tudo isso sem desistir se o meu sonho fosse falso?" Ele estava certo do propósito de Deus para sua vida e foi fiel até o fim, alcançando a coroa da vida.

 

Você deve se apaixonar pelo seu sonho a ponto de nunca desistir dele, nem que o tempo para que ele se cumpra leve anos. O seu sonho para cumprir o propósito de Deus é o combustível para sua vida.

 

Você pode ter desistido de ser um ministro de louvor, um pregador, um pastor, um intercessor, um mestre, um grande empresário, um grande presidente, mas neste momento Deus quer que esse sonho seja reerguido em seu coração e nunca mais deixe de arder em você o desejo de cumpri-lo. Apaixone-se pelo seu sonho e não permita que ninguém o desmotive, pois o poder de Deus opera em você.

 

Ore pedindo a Deus que o ajude a cumprir o propósito Dele para sua vida.

Sugiro que ore assim: "Senhor Deus, eu peço perdão por ter deixado que o seu propósito para minha vida se apagasse da minha mente e do meu coração, mas neste momento eu oro para que o Senhor faça arder em mim o desejo de cumpri-lo, pois eu entendo que o Senhor me criou para fazer a diferença e não para ser confundido no meio da multidão. Eu quero fazer isso para engrandecer o Seu Nome e para que muitas pessoas possam conhecer a verdade e receber de Jesus Cristo a salvação, pois Ele é o caminho, a verdade e a vida, sendo que não há outro caminho até o Senhor, meu Deus, a não ser por Ele. É isso que eu lhe peço e agradeço, em nome Jesus. Amém!"

 

Para concluir esse estudo, gostaria de que você conhecesse um precioso ensinamento que há na Bíblia por meio do símbolo representado por um animal: a ÁGUIA. Deus inspirou diversos homens na Bíblia para usarem a águia como símbolo. Por que Deus usou a águia e não a galinha ou a andorinha ou o pardal? Porque Ele queria nos ensinar algo a respeito daquele animal. A galinha possui olhos laterais, porém a águia possui olhos frontais. Assim devem ser os seus olhos, focados no propósito de Deus para sua vida, sem ligar para o que acontece ao redor da sua vida. Quando vêm os ventos e as tempestades, a galinha corre logo para se esconder, mas a águia sai para voar para se fortalecer. Aprenda também essa lição em sua vida, quando os ventos e as tempestades (situações que queiram desmotivá-lo e fazer com que desista de seus sonhos) vierem tentando afligi-lo, voe e fortaleça-se em Deus, vença os obstáculos.

 

Deus abençoe a sua vida abundantemente!

Voltar ao topo

 

 

Página Inicial    Estudos Bíblicos    A Bíblia    Comente!
Entre em contato conosco pelo e-mail: estudos@viveremverdade.com.br