Leia outros Devocionais...

Seja diferente! (23/10/2011)

Em alguns dias, muitos até, sentimo-nos tão insignificantes que pensamos: "eu não sou nada", "eu não sei fazer nada", "ninguém se importa comigo", etc. Tais pensamentos não nos motivam nem um pouco. Será que Deus nos fez para sermos insignificantes e iguais às outras pessoas?

Não, Deus não nos fez para sermos iguais aos outros. Nossa impressão digital é única, o timbre de nossa voz é único, nossa íris é única, nossa retina é única, a geometria de nossa mão é única. Além disso, Deus nos deu talentos para que os aperfeiçoemos e utilizemos durante toda a nossa vida. No entanto, muitas pessoas insistem em fazer aquilo que "dá dinheiro" e o que as outras pessoas valorizam, e não usufruem das características e dos talentos dados por Deus. Qual o resultado? Frustração.

Alguns pais querem realizar seus sonhos nas vidas dos filhos e por isso não se preocupam com a personalidade, as características e os talentos deles, definindo padrões de sucesso como fazer medicina e formar em engenharia, por exemplo.

Todas as vezes que tentamos nos igualar às outras pessoas, ignoramos o princípio de individualidade com o qual Deus nos criou e destinamo-nos a fracassar e sofrer por não aproveitarmos o melhor dEle para nós.

É comum vermos grupos, principalmente de jovens, que se julgam diferentes de todos. Porém, o que mais chama atenção nesses grupos é que todos que os compõem são iguais. Vestem-se com as mesmas roupas, falam e gesticulam do mesmo jeito, e ainda se julgam como "os diferentes" que irão transformar o mundo.

Deus já nos fez diferentes para transformamos o mundo, não precisamos nos tornar diferentes, tão somente devemos conhecer e assumir as características e os talentos que temos. Se fizermos isso, não nos frustaremos de forma alguma.

Você não precisa ser igual a ninguém. Seja diferente como Deus o(a) fez. Jesus declarou algo maravilhoso aos discípulos e não parece que nós, discípulos de Jesus, temos cumprido completamente o que Jesus ensinou.

Jesus disse "Vós sois o sal da terra; e, se o sal for insípido, com que se há de salgar?" (Mateus 5:13). Disse ainda: "Vós sois a luz do mundo" (Mateus 5:14), e completou dizendo "Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso Pai, que está nos céus." (Mateus 5:16).

Nós somos o sal da terra e a luz do mundo, por isso precisamos testemunhar da maravilhosa nova vida em Cristo e devemos ser a "luz no fim do túnel" para aqueles que vivem abatidos e desmotivados.

Chega de viver como as pessoas querem ou como a sociedade corrompida define que deve ser. Não precisamos aceitar os modismos e muitos menos o que a mídia tenta injetar em nossa mente. Não devemos nos conformar com este mundo e precisamos permitir que Deus renove o nosso jeito de pensar para vivermos a boa, agradável e perfeita vontade dEle (Romanos 12:2). Só assim faremos a diferença!



Leia outros Devocionais...
Cadastre-se gratuitamente para receber novos estudos em seu e-mail

Cadastre-se
Fechar



Quer receber estudos por e-mail?
Sim    Não
Envie um comentário ou pergunta
Escrever      Fechar