Leia outros Devocionais...

Prudente ou medroso? (22/12/2011)

Você é prudente ou medroso? Segundo o dicionário, a prudência é a virtude que nos leva a conhecer e praticar o que nos convém. Além disso, prudência significa cautela, precaução. Já o medo, segundo o dicionário, é a perturbação resultante da idéia de um perigo real ou aparente. Repito a pergunta: você é prudente ou medroso?

Devido à personalidade, as pessoas reagem de formas diferentes diante das situações. As mais cautelosas não dão um passo sequer enquanto não estiver tudo preparado, outras já vão caminhando durante a preparação.

O problema é que algumas pessoas acabam se escondendo atrás do "estilo de personalidade" diante de situações adversas e afirmam: "eu sou assim mesmo". Porém, esse "estilo de personalidade" não pode obstruir a fé no impossível e na ação sobrenatural de Deus.

Hebreus 11:1 "Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem". Esse versículo não vale somente para pessoas com um determinado estilo de personalidade, mas sim para todas as pessoas. Portanto, as pessoas que necessitam ver tudo preparado, precisam ver com os olhos da fé, ou seja, precisam crer que Deus já preparou.

Algumas pessoas usam o versículo Mateus 10:16 para justificarem suas "ações prudentes". Mateus 10:16 "Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e símplices como as pombas". E ainda dizem: "o Senhor disse para sermos prudentes".

Será que tudo é prudência ou o que é medo também tem sido chamado de prudência? O medo é bem diferente da prudência. Vamos a um exemplo! Imagine que seja necessário você subir em uma árvore, seja para salvar um gato ou pegar uma pipa. Não dá para chamar os bombeiros e outras pessoas. Você subiria? Se você tomar as medidas de segurança cabíveis e subir na árvore, então você será prudente. Porém, se você arrumar mil desculpas e sequer se esforçar para arrumar uma escada ou uma corda do Tarzan, então você será medroso.

A diferença entre a prudência e o medo é a ousadia. A prudência não nos impede de realizar algo, ela nos ajuda a realizar com cuidado. Já o medo nos impede.

O salmista escreveu em Salmos 119:100: "Sou mais prudente do que os velhos, porque guardo os teus preceitos". Isto é, guardar os mandamentos do Senhor nos torna prudentes, porque tornamo-nos sábios para nos desviarmos do mal.

Davi, chamado o homem segundo o coração de Deus, confiava no Senhor e não dava espaço para o medo. Davi escreveu "não terei medo de dez milhares de pessoas que se puseram contra mim ao meu redor" (Salmos 3:6).

Seja prudente! Lembre-se: o prudente toma cuidado e faz, o medroso só diz que está tomando cuidado.



Leia outros Devocionais...
Cadastre-se gratuitamente para receber novos estudos em seu e-mail

Cadastre-se
Fechar



Quer receber estudos por e-mail?
Sim    Não
Envie um comentário ou pergunta
Escrever      Fechar