Leia outros Devocionais...

Enfrentando tribulações (09/10/2011)

Diariamente, enfrentamos diversas situações de tribulação em nossas vidas. Enfrentamos tribulações no relacionamento conjugal, nos relacionamentos com irmãos e amigos, nas finanças, nas decisões que devem ser tomadas, entre outras situações. Portanto, neste momento, reflita sobre uma pergunta: "Como você tem enfrentado as tribulações?".

As tribulações exigem confronto e resistência de nossa parte, o que nos tira do conforto de viver tranquilamente sem qualquer incômodo. Para enfrentarmos e vencermos as tribulações, precisamos entender qual a visão de Deus sobre essas situações.

Em Romanos 5:3-4, há um ensino valioso e indispensável para vencermos as tribulações.
"E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência; e a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança."

Deus nos ensina que a tribulação produz a paciência (ou resistência), a paciência produz a experiência e a experiência produz a esperança. Isto é, na visão de Deus, as tribulações que enfrentamos diariamente são úteis para que cresçamos e não para sermos enfraquecidos e desanimados. Neste momento, você precisa assumir a visão de Deus sobre tribulação para entender que cada situação desafiadora em sua vida irá aperfeiçoá-lo(a).

No entanto, quando não enfrentamos as situações desafiadoras, não somos aperfeiçoados e não crescemos. Se não enfrentamos, não vencemos e, se não vencemos, não recebemos a recompensa de uma vitória, que é a nossa transformação.

Entenda que as tribulações que você tem que enfrentar hoje irão servir como experiência para que você vença desafios futuros. Davi ficou muito conhecido por ter vencido o gigante Golias, porém essa não foi a primeira tribulação que ele enfrentou.

Quando foi enfrentar o gigante, que estava há 40 dias afrontando o exército do Deus Vivo, Davi disse ao rei Saul que, quando estava apascentando as ovelhas de seu pai, ele passou por duas situações de muita tribulação. Em uma delas, um leão tomou uma ovelha do seu rebanho, mas Davi feriu-o e matou-o para salvar a ovelha. Em outra situação, Davi feriu e matou um urso que havia tomado uma ovelha do seu rebanho.

Essas duas tribulações permitiram que Davi tivesse a certeza de que Deus lhe daria a vitória sobre o gigante Golias, mesmo que isso parecesse improvável aos olhos de todos os homens que estavam naquele lugar do confronto. As tribulações anteriores de Davi produziram a paciência, trazendo a ele experiência e, consequentemente, gerando a esperança de novas vitórias.

Davi disse a Saul: "O Senhor me livrou das garras do leão e das do urso; ele me livrará das mãos deste filisteu." (1 Samuel 17:37).

Lembre-se: suas tribulações de hoje servirão para você alcançar vitórias maiores amanhã.



Leia outros Devocionais...
Cadastre-se gratuitamente para receber novos estudos em seu e-mail

Cadastre-se
Fechar



Quer receber estudos por e-mail?
Sim    Não
Envie um comentário ou pergunta
Escrever      Fechar