Clique para ouvir os estudos bíblicos do Viver em Verdade

Viver em Verdade

"e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." João 8:32
Encontre um estudo
Voltar

Indique este Estudo a um amigo

Seu nome
Seu e-mail
Nome do amigo
E-mail do amigo

Cadastre-se e receba nossos Estudos Bíblicos por e-mail (Fechar)

Seu Nome
Seu E-mail

Crescimento espiritual: uma questão básica para o cristão

Palavras-chave: crescimento espiritual, maturidade, amadurecimento

Olá, amigo(a) leitor(a) do Viver em Verdade.

 

Somos gratos a Deus pela infinita graça que tem derramado sobre nós e por nos dar mais uma oportunidade de compartilhar a Sua Palavra.

 

Crescer...

A palavra "crescer" é usada por diversas pessoas em vários contextos: crescer financeiramente, crescer no relacionamento, crescer na carreira, e assim por diante. Este estudo bíblico trata sobre o crescimento que todo ser humano deve desejar, o crescimento espiritual. Você pode ter pensado mil coisas após ler essa frase, mas crescer espiritualmente é ser aperfeiçoado dia-a-dia a fim de alcançar o caráter perfeito de Jesus Cristo, de forma a viver em completa intimidade com Deus.

 

Ore agora e peça a Deus que lhe revele toda a verdade sobre crescimento espiritual durante a leitura, para que você não seja confundido por doutrinas humanas ou malignas. Deus certamente abençoará a sua leitura a fim de que você seja transformado(a) para a glória Dele.

 

Infelizmente, as igrejas brasileiras estão cheias de cristãos que se converteram ao Evangelho há várias anos que ainda são meninos na fé. É frustrante ver pessoas que nasceram de novo viverem como "bebês", inseguras e inconstantes, mesmo após um longo período de caminhada na fé em Cristo. Este estudo bíblico aborda a vontade de Deus revelada na Bíblia sobre o crescimento ou amadurecimento espiritual.

 

Por que é necessário crescer?

A resposta é simples: porque Deus quer que nós cresçamos, conforme Ele nos ensina em Efésios 4:11-16.

 

Efésios 4:11-16

"11E ele mesmo (Jesus Cristo) deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores,
12Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;
13Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo,
14Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente.
15Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo,
16Do qual todo o corpo, bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o aumento do corpo, para sua edificação em amor."

 

No versículo 11, o Senhor nos revela que cada pessoa tem um chamado específico e que todos os que nasceram de novo em Cristo possuem um chamado,  porque todos receberam um dom espiritual no novo nascimento (se você deseja saber mais sobre dons espirituais, leia o estudo bíblico "Talentos e Dons espirituais").

O versículo 12 explica por que o Senhor distribui dons espirituais a cada cristão no novo nascimento:

O versículo 13 fala sobre o desejo do Senhor de que nós cresçamos, pois Ele deseja nos aperfeiçoar dia-a-dia até que todos cheguemos a uma só fé e para que o nosso caráter seja perfeito como é o caráter de Jesus. Jesus esteve sujeito às mesmas tentações que nós e cumpriu completamente a vontade do Pai, e é esse caráter que o Pai deseja que nós tenhamos.

No versículo 14, o Senhor nos ensina sobre a finalidade de alcançarmos o caráter perfeito de Jesus. A finalidade é o nosso amadurecimento, para que não sejamos enganados pelos falsos mestres e por aqueles "lobos" que se disfarçam de "ovelhas" no meio da igreja. Preste muita atenção, pois o Senhor nos deu um princípio simples: se nós lermos e estudarmos a Palavra Dele, conheceremos completamente a Sua vontade para nós e não seremos enganados por bons discursos de homens que não conhecem nada de Deus e distorcem a verdade.

 

Quer um exemplo muito claro de engano? Várias igrejas anunciam um evangelho falso que foca o dinheiro, os carros, as casas, os empregos, as empresas bem-sucedidas, os iates, etc. É provável que você já tenha assistido a algum programa de televisão de igreja evangélica em que ouviu isso. O discurso é muito bom, porém o Senhor nos ensinou em 1 Coríntios 15:19 que "Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens". O Senhor Jesus nos dá a VIDA ETERNA que é incomparável às riquezas que podemos adquirir nesta terra, esse é o evangelho verdadeiro. Se nós conhecemos a Palavra de Deus, não somos levados por essas doutrinas enganosas, porque adquirimos a mente de Cristo. Quando as pessoas focam as riquezas, passam a amá-las e deixam de amar o Senhor Jesus.

Conhecer a Palavra de Deus e amar o Senhor Jesus não significa que você deve ter uma vida miserável, pois o Senhor supre com abundância todas as necessidades daqueles o amam, conforme está escrito em Filipenses 4:19.

 

Filipenses 4:19
"O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus."

 

O foco é amar o Senhor Jesus, assim as necessidades materiais serão supridas por Deus, que tem prazer em nos abençoar.

 

Retornando aos versículos de Efésios 4:11-16, o Senhor nos ensina no versículo 15 que devemos crescer em Cristo, pois Ele é a cabeça da igreja (a noiva de Cristo), porque quando um cristão cresce no Senhor, ele e todos os irmãos crescem (versículo 16). Se um irmão que é chamado para ser ministro de louvor exerce a sua função, então a igreja será suprida nessa área e não será necessário, por exemplo, que um irmão chamado para ser diácono tenha que cantar, pois seria como se o joelho do nosso corpo tivesse a função de aplaudir, é possível?

 

É extremamente importante compreender que todas as partes do corpo têm a mesma importância, porém as pessoas acham, e isso não tem nada a ver com a vontade de Deus, que o ministério de louvor é mais importante que a diaconia, ou o ministério da Palavra é mais importante que o pastoral. Na verdade, as pessoas formam essas opiniões erradas porque o diácono não está lá no púlpito, então parece que ele não é importante, porém, quem organiza os detalhes no prédio onde a igreja se congrega para a realização das reuniões e cultos?

 

Sabendo que Deus deseja que nós sejamos aperfeiçoados até alcançarmos o caráter de Cristo, então podemos prosseguir no nosso estudo.

 

Podemos fazer uma analogia do crescimento espiritual com o nosso desenvolvimento humano, que possui as seguintes fases:

 

Fase

No crescimento humano

No crescimento espiritual

Nascimento

Começo do conhecimento de todas coisas

Conversão, início da caminhada na fé

Dependência dos pais

Dependência para comer, para tomar banho, para trocar de roupa, para todas as necessidades

Dependência total de outros cristãos para começar a aprender a Palavra de Deus e aprender a nova vida em Cristo

Engatinhar, Andar

Início da independência

Início da aprendizagem dos princípios eternos de Deus e correção de erros de conduta

Dependência de outras pessoas

Dependência financeira, por exemplo. Independência das atividades essenciais.

Dependência de cristãos maduros (pais na fé) que aconselhem sobre os princípios da Palavra de Deus para que sejam tomadas decisões

Escola

Aprendizagem

Aprendendo a andar com Deus, a ler a Bíblia e compreender a vontade Dele

Adolescência

Maior independência, porém sem responsabilidades

Menos dependência de outros cristãos e maior dependência de Deus.

Fase adulta

Responsabilidades, novas experiências, suporte a outras pessoas

Tomar decisões e enfrentar desafios dependendo totalmente de Deus, ensino de cristão recém-convertidos, liderança de ministérios, etc.

 

Esse crescimento espiritual deve ser natural para todo cristão, porém não é o que ocorre normalmente nas igrejas. Por quê? Porque a maioria dos cristãos não quer crescer.

Se você é adulto, responda com sinceridade: já sentiu saudades do tempo em que não tinha grandes responsabilidades? É provável que sim. As responsabilidades e os desafios nos fazem sair da tão conhecida "zona de conforto" e isso nos deixa inseguros, porém aquele crê no Senhor Jesus possui ousadia e não covardia (Efésios 3:10-12).

 

Efésios 3:10-12
"10Para que agora, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus seja conhecida dos principados e potestades nos céus,
11Segundo o eterno propósito que fez em Cristo Jesus nosso Senhor,

12No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé nele."

 

A maioria dos cristãos não quer assumir responsabilidades e continua "debaixo das asas" de outros cristãos, ao invés de estar debaixo das asas do Deus Todo-Poderoso.

 

Exemplos práticos de cristãos "antigos" que não querem crescer

Deuteronômio 28:2

"E todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, quando ouvires a voz do SENHOR teu Deus; "

 

O Senhor nos fez IGREJA, porém ainda existem cristãos que não compreenderam isso e continuam exercendo apenas a atividade de IR À IGREJA.

 

Guarde isto: Para crescer é necessário que você reconheça que não cresceu e isso exige a quebra do seu orgulho.

 

Como eu posso crescer?

 

A partir do momento em que você compreende que necessita crescer porque "parou no tempo", o próximo passo é saber como crescer.

Deus já nos deu a "fórmula" do crescimento que é exercitar o conhecimento e a obediência à verdade como Ele nos ensina em Hebreus 5:12-14.

 

Hebreus 5:12-14

"12Porque, devendo já ser mestres pelo tempo, ainda necessitais de que se vos torne a ensinar quais sejam os primeiros rudimentos das palavras de Deus; e vos haveis feito tais que necessitais de leite e não de sólido mantimento. 13Porque qualquer que ainda se alimenta de leite não está experimentado na palavra da justiça, porque é menino. 14Mas o mantimento sólido é para os perfeitos, os quais, em razão do costume, têm os sentidos exercitados para discernir tanto o bem como o mal."

 

O autor da carta chama a atenção dos hebreus por não terem crescido e ainda necessitarem de leite. Perceba que o autor faz uma analogia com o nosso crescimento físico, em que os bebês iniciam a alimentação com o leite materno e, somente após se desenvolverem, comem um alimento sólido. Nesse contexto, o alimento é a Palavra de Deus, a Bíblia.

 

Não há outra forma de crescer e ter seu caráter aperfeiçoado a não ser pela leitura e meditação nos princípios de Deus, revelados em Sua Palavra. Portanto, reserve um tempo diariamente para você ler com tranquilidade a Bíblia e ser ensinado pelo Espírito Santo.

 

E se eu não crescer?

 

Infelizmente, existem cristãos que se acomodaram na vida de "bebê espiritual" e não sentem a necessidade de crescer, porém eles não sabem que estão deixando de experimentar o melhor de Deus para suas vidas.

 

Para saber se você cresceu, reflita na seguinte pergunta: "Na maioria das vezes, eu tomo decisões baseado na vontade de Deus ou na minha vontade?". Seja sincero, não se engane.

 

Se você é cristão, deve saber que o certo é tomar decisões e viver todos os dias conforme a vontade de Deus, mas será que isso é uma verdade em sua vida?

 

O apóstolo Paulo fez uma pergunta semelhante aos coríntios para que pudessem refletir sobre a vida cristã que tinham (1 Coríntios 3:1-3).

 

1 Coríntios 3:1-3

"1E eu, irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a meninos em Cristo. 2Com leite vos criei e não com manjar, porque ainda não podíeis, nem tampouco ainda agora podeis; 3porque ainda sois carnais, pois, havendo entre vós inveja, contendas e dissensões, não sois, porventura, carnais e não andais segundo os homens?"

 

Naquela ocasião, ele disse aos coríntios que as contendas e discussões existentes entre eles eram o resultado do não-crescimento deles.

 

Se você é cristão(ã), será que o homem da foto abaixo poderia ser você?

 

 

Talvez você possa pensar: "Mas o Senhor não nos disse para sermos como crianças?". Sim, certamente. Ele nos ensinou a sermos crianças na malícia e adultos no entendimento (1 Coríntios 14:20).

 

1 Coríntios 14:20

"20Irmãos, não sejais meninos no entendimento, mas sede meninos na malícia e adultos no entendimento."

 

5 passos para amadurecer

 

Se você compreendeu que precisa crescer e deixa de ser um menino no entendimento, obedeça à Palavra de Deus.

 

Logo abaixo, estão 5 passos necessários para você amadurecer e viver a plenitude do que Deus preparou para você. Observe-os, reflita sobre eles e tome decisões para iniciar hoje a transformação em sua vida.

 

1) Medite constantemente na Palavra de Deus
 

Em 1 Pedro 2:2, está escrito que devemos desejar o leite racional para crescermos e esse alimento é a Palavra de Deus.

 

1 Pedro 2:2
“1Deixando, pois, toda malícia, e todo engano, e fingimentos, e invejas, e todas as murmurações, 2desejai afetuosamente, como meninos novamente nascidos, o leite racional, não falsificado, para que, por ele, vades crescendo, 3se é que já provastes que o Senhor é benigno.”


2) Ore constantemente
 

A oração permite que você se torne íntimo de Deus entregando a Ele toda a sua vida e ouvindo-O para conhecer a vontade Dele.
 

3) Abandone o orgulho
 

Em Provérbios 16:18, está escrito que o orgulho precede a ruína, ou seja, leva ao fracasso. É necessário que você libere perdão para as pessoas que o(a) magoaram no passado independentemente do fato que ocorreu. Lembre-se de que Jesus perdoou absolutamente todos os nossos pecados, demonstrando um amor incondicional por nós.

 

Provérbios 16:18
“18A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda.”

 

4) Abandone o medo
 

O medo é totalmente contrário à fé. É impossível afirmar que há fé se houver medo. Isto é, se você tem medo de se ferir novamente, de "bater com a cara da parede", de ser humilhado, reconheça a sua incredulidade, ore ao Senhor para que lhe transforme e permita que Ele lhe dê a oportunidade de confrontar esse medo.
 

5) Tome decisões
 

Pare de se enganar e justificar dizendo "estou esperando a revelação de Deus" e tome decisões sobre a direção que Deus já deu a você anteriormente (talvez há muito tempo). A direção é de Deus? Então, creia e vá, faça a sua parte.

 

Observe que todos os passos listados necessitam da sua ação, pois o problema não está em Deus, mas sim em você. Quando você admitir isso, seu orgulho será quebrado e você amadurecerá em Cristo.

 

Deus abençoe a sua vida abundantemente.

Fique na paz e na graça do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

 

Amém!

 

Voltar ao topo

 

Página Inicial    Estudos Bíblicos    A Bíblia    Comente!
Entre em contato conosco pelo e-mail: estudos@viveremverdade.com.br